ACQUABIOS
04 Oct, 2019
Consumo consciente: o primeiro passo para preservar a natureza

Por que comprar, o que comprar e como comprar? Se você já se fez alguma dessas perguntas, não está só! Nossos hábitos de consumo tendem a ser cada vez mais observados, avaliados e questionados. Isso é fundamental para educarmos nosso comportamento, preservando a natureza e garantindo o futuro do planeta, além de economizarmos algum dinheiro.

 

A maneira como consumimos diz muito sobre a sociedade em que estamos inseridos e também sobre a economia que nos rege. Atualmente, somos influenciados ao consumo desenfreado e quase sem critérios de roupas, tecnologia e objetos com durabilidade cada vez menores. Isso gera uma altíssima quantidade de resíduos para o planeta, e todos nós pagamos essa conta.

 

É por isso que hoje, no dia do consumo consciente, vamos te ajudar a comprar melhor.

 

Por que comprar?

 

Compramos por muitas razões: porque precisamos de algum objeto para realizar uma tarefa, para sobrevivência, para nos sentirmos mais seguros. Mas também compramos para impressionar outras pessoas, para satisfazer nossos desejos e acalmarmos algum impulso ou porque pensamos que alguns objetos nos trarão felicidade.

 

O que comprar?

 

Sempre que for comprar alguma coisa, pergunte-se porque precisa dela. Você está comprando por impulso, porque essa coisa está na moda e você foi influenciado a desejá-la, ou porque ela tem alguma funcionalidade que você realmente precisa?

 

Pensar sobre o produto que você está prestes a adquirir é fundamental para não comprar a mais ou errado. Algumas vezes a vontade de ter algo supera o nosso discernimento e acabamos gastando com coisas que nem fazem o nosso estilo, que não servem para nosso corpo ou para o estilo de vida que levamos. Ficar atento a essas armadilhas de consumo melhora seu critério na hora das compras.

 

 

Como comprar?

 

Se há 20 anos alguém falasse que no futuro não precisaríamos sair de casa para comprar, provavelmente seria tratado como louco. Mas a verdade é que as tecnologias que estão a disposição de grande parte das pessoas hoje, permite que tenhamos acesso a quase qualquer coisa por meio de alguns cliques. Até mesmo alguns supermercados já oferecem a funcionalidade de comprar pelo site e receber as compras em casa. Mas será mesmo que essa é a melhor maneira de adquirirmos nossos pertences?

 

Ir até uma loja, manusear o produto, sentir cheiros, texturas e realizar provas antes de consumar a compra ainda é importante para fazermos as melhores escolhas, afinal, gastar dinheiro com algo que você nunca viu pode ser frustrante. Pesquisar preços e valores nunca esteve tão fácil, mas também pode te distrair e fazer com que você compre mais por impulso. O ideal é sempre ter em mãos uma lista dos itens que você precisa comprar, pesquisar os preços nas lojas virtuais, ir até as lojas físicas para provar ou testar os produtos em questão e só então efetuar a compra.

 

De quem comprar?

 

O transporte de mercadorias, bem como algumas atividades industriais são altamente poluentes, então, vale a pena parar para analisar de onde vem o que você compra. Quando for comprar alimentos, por exemplo, escolha pelos produtores mais próximos ao local onde você mora. Se eles trabalharem com produtos orgânicos, melhor ainda!

 

Ao comprar roupas e calçados, escolha itens de boa qualidade, pois o custo-benefício é maior. Aproveite seu smartphone e outros eletrônicos ao máximo antes de trocar por aparelhos novos. Afinal, se eles ainda funcionam perfeitamente, você não precisa de outros aparelhos só porque são lançamentos, né?!

 

Como usar?

 

Antigamente, as pessoas tinham o costume de aproveitar as coisas ao máximo antes de descartá-las. Recuperar essa memória e essa prática é fundamental para gerar menos lixo. Repensar a ideia de descartável é extremamente necessário, afinal, tudo o que a nossa sociedade produz fica nesse planeta e ele está em uma situação cada vez mais crítica. Cuide, reforme, reutilize e recicle. Faça sua parte para diminuir a geração de resíduos.

 

Como descartar?

Você descarta seu lixo corretamente ou apenas mistura tudo em um saco e depois leva para a rua? Respeitar a coleta seletiva é um pequeno passo, mas exige uma mudança de cultura enorme na maneira como você olha para o seu lixo. Essa mudança também é necessária para fazer o descarte de coisas que você não quer ou não precisa mais.

 

Doe, repasse ou venda roupas, sapatos e outros utensílios em bom estado mas que você não utiliza mais. Procure orientação na hora em que precisar descartar eletrônicos que estão com avarias, o responsável pela coleta na sua cidade vai saber passar a orientação correta.

 

Compre o necessário, reutilize o que for possível, recicle e descarte corretamente seus pertences. Consuma de maneira consciente e faça a sua parte para garantir a conservação do planeta.